Acesse nosso Facebook




Bem Estar

Doenças crônicas são responsáveis por mais de 70% das mortes no mundo

Avatar

Publicado

no dia

Doenças crônicas não transmissíveis, como as cardiovasculares, pulmonares, cânceres e diabetes, são responsáveis por mais de 70% das mortes no mundo. O dado é da Organização Mundial da Saúde (OMS), que elegeu como uma de suas prioridades os cuidados preventivos com esses problemas.

Dr. Thiago Rodrigues, médico cardiologista do Centro Médico São José (CMSJ) de Cerquilho (SP), afirma que estamos presenciando uma verdadeira epidemia de doenças crônicas. “A hipertensão, a obesidade, a má alimentação, o tabagismo, a poluição e o estresse da vida atribulada são realidades vivenciadas por grande parte da população, o que se reflete no aumento dos casos desses males” afirma.

Além dos causadores externos, como os hábitos de vida e as condições ambientais, fatores, como a predisposição genética, também são relevantes e devem ser observados com atenção. “Pessoas com casos de diabetes, infarto ou câncer na família precisam ficar duplamente atentas com a saúde, visto que são maiores ainda as chances de desenvolver algum desses problemas”, alerta o cardiologista.

A OMS também destaca que atuar na prevenção dessas doenças deve ser a prioridade dos governos em todo o mundo. “Esse é um ponto crucial, mas que revela um grande desafio, sobretudo no Brasil, onde enfrentamos diversas deficiências no sistema de saúde pública”, comenta o especialista do CMSJ.

Dra. Cecília N. Machado, médica endocrinologista do Centro Médico São José de Cerquilho, pontua que levar uma vida saudável é a principal arma da população contra as doenças crônicas. “É uma recomendação que fazemos a praticamente todos os pacientes. Pessoas que mantêm o peso ideal, praticam esportes, alimentam-se corretamente e procuram um médico regularmente diminuem significativamente as chances de apresentar essas doenças”, recomenda.

A especialista ressalta que, no entanto, muitas pessoas, mesmo mantendo hábitos saudáveis, sofrem com excesso de peso ou diabetes. “Fatores metabólicos também podem influenciar no surgimento desses problemas. Nessas situações, investigamos para saber se existem disfunções hormonais e, caso confirmada a anomalia, iniciamos tratamento, a fim de normalizar o funcionamento do organismo, o que pode ser feito com o uso de medicamentos, por exemplo”, afirma a endocrinologista.

“Mesmo que a pessoa venha a apresentar algum desses males, ao ir ao médico regularmente, é possível identificar, na maioria das vezes, a doença em estágio inicial, o que reduz drasticamente os riscos de complicações e permite tempo para atuar de forma a proporcionar mais qualidade de vida”, complementa a médica.

O Centro Médico São José está localizado na Avenida Presidente Washington Luiz, 392, Centro, em Cerquilho. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone: (15) 3288-4848, pelo site: www.centromedicosaojose.com.br ou pelo Facebook: www.facebook.com/centromedicosaojose.

Publicidade

Mais lidas