Conecte-se conosco
 

Educação

Alunos de Capivari recebem visita da EPPO para falar sobre descarte de lixo

Avatar

Publicado

em

A Secretaria da Educação de Capivari, em parceria com o Sescoop, no desenvolvimento do Projeto CooperJovem, realizou nesta quarta-feira (4) mais uma atividade, desta vez com as crianças da EMEI “Cecília Cerezer Riccómini”, que receberam a visita dos coletores da EPPO de Capivari para falar sobre o descarte correto do lixo.


A equipe fez a alegria da criançada, ao chegar com o caminhão da coleta e falar de maneira simples sobre a separação de materiais que serão descartados no lixo, como vidros e objetos cortantes, que devem ser devidamente embalados ou embrulhados para que não haja risco de perfuração durante o manejo dos coletores até o caminhão. A equipe também enfatizou sobre o aterro do lixo recolhido em nossa cidade.  


A EMEI “Cecília Cerezer Riccómini” tem o projeto “Lixo no lixo: o lixo tem um destino e ele não é a rua” que aborda questões de conscientização com os alunos sobre cuidados com a natureza, com o meio ambiente e acontece por todo o ano letivo. Também realizam contação de histórias para que as crianças aproveitem e explorem melhor o conteúdo. 

O objetivo do projeto, de forma simples é: sensibilizar a comunidade escolar para a participação do projeto; conscientizar a comunidade no descarte correto do lixo; perceber que o lixo pode trazer riscos e problemas de saúde; promover educação ambiental para a comunidade. Para a secretária de Educação, Marília Cardoso, a visita foi especial para os alunos. “Eles adoraram a visita dos coletores, que interagiram com as crianças falando c om uma linguagem simples e divertida, para que nossos pequenos, de 4 e 5 anos pudessem entender o que é respeito a natureza e descarte correto de lixo. Só tenho a agradecer a estes profissionais”, diz Marília.


O prefeito, Rodrigo Proença, afirma que ações como esta na educação do futuro cidadão é fundamental. “Os pequenos de hoje serão os cidadãos de amanhã, e devemos trabalhar neles a consciência ecológica assim como a preocupação e o respeito com estes profissionais que merecem todo o nosso reconhecimento”, diz o prefeito.